ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Brasil fecha as eliminatórias com vitória por 3 a 0 e elimina o Chile

Brasil fecha as eliminatórias com vitória por 3 a 0 e elimina o Chile

A rodada era decisiva apenas para os outros. Mas o Brasil mostrou mais uma vez porque é a melhor seleção da América do Sul no momento. Na arena do Palmeiras, a equipe de Tite contou com a qualidade individual de seus jogadores no segundo tempo para vencer e tirar o Chile da Copa do Mundo. Com o triunfo por 3 a 0, gols de Paulinho e Gabriel Jesus (2x), o treinador encerrou a competição invicto com dez vitórias e dois empates. Agora, é contar os dias até junho de 2018 e esperar o Mundial. 

Cruzeiro fecha preparação para o duelo diante do Grêmio

Cruzeiro fecha preparação para o duelo diante do Grêmio

Debaixo de muita chuva e frio, cenário que pode se repetir nesta quarta-feira (11) na hora do confronto entre Grêmio e Cruzeiro, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, o time estrelado fechou agora à tarde a preparação para o duelo no Sul. Sidnei Lobo, auxiliar do técnico Mano Menezes, segue no comando do time e orientou apenas um trabalho tático.

O Cruzeiro já saiu de Belo Horizonte definido. Os titulares serão os mesmos que venceram a Ponte Preta, sábado, no Mineirão, por 2 a 1. Sem o goleiro Fábio, que tinha sido liberado para tratar de algumas lesões na pele em São Paulo, e com com Léo e Murilo com dores musculares, o time deve entrar em campo com a seguinte formação: Rafael; Ezequiel, Manoel, Digão e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson, Rafinha e Thiago Neves; Alisson e Rafael Sóbis.

Cruzeiro e Grêmio, que se encontraram na semifinal da Copa do Brasil, vivem situações bem parecidas nesta edição do Brasileirão e precisam da vitória para tentar tomar a segunda posição do Santos, com 47 pontos. Para chegar à vice-liderança, os celestes precisam vencer os gaúchos e contar com uma derrota do Santos, que enfrenta a Ponte Preta em Campinas. Se vencer o Grêmio, o Cruzeiro assegura pelo menos a terceira colocação. O time do técnico Renato Gaúcho tem 46 pontos, contra 44 do Cruzeiro.


Fonte: O Tempo

Oswaldo foca treino do Galo nos contra-ataques rápidos

Oswaldo foca treino do Galo nos contra-ataques rápidos

O contra-ataque é uma das armas do Atlético para o jogo contra o São Paulo. O técnico Oswaldo de Oliveira, no treino desta segunda-feira, na Cidade do Galo, colocou o time para trabalhar o fundamento de forma intensa. A partir de cobranças de faltas laterais no campo de defesa, a zaga tinha que rebater a bola, meias e atacantes saírem de maneira rápida para o campo adversário e finalizarem a jogada.

O treinador cobrou bastante movimentação e velocidade, além de tranquilidade na tomada de decisão e nas finalizações. Na sequência do treinamento, os zagueiros e os laterais treinaram rebatidas de bola. Volantes, meias e atacantes trabalharam as finalizações.

No fim do treino, Robinho, Fred, Clayton e Marlone treinaram cobranças de pênaltis. O Galo volta a treinar na tarde desta terça-feira, na Cidade do Galo. Será a última atividade antes do confronto com o tricolor paulista, no Independência.


Fonte: O Tempo

Manifestantes trocam provocações em exposição de Pedro Moraleida

Manifestantes trocam provocações em exposição de Pedro Moraleida

O clima chegou a ficar tenso durante a mais recente manifestação em frente ao Palácio das Artes – desta vez contrária à exposição “Faça Você Mesmo dia Própria Capela Sistina”, de Pedro Moraleida (1977-1999). Mas o embate ficou apenas nas provocações. A partir das 18h20, um grupo de cerca de 300 pessoas aglomerou-se em frente ao local carregando cartazes contra a exposição, a qual rotulavam, aos gritos, de “pedófila”. Os manifestantes contrários à obra de Moraleida ainda fizeram rodas de oração ajoelhados em frente à galeria Alberto da Veiga Guignard e gritavam “Bolsonaro presidente”.

Dentro do Palácio, esperando na fila para ver o trabalho do artista, cerca de cem pessoas respondiam “fascistas” e chegaram a ironizar a reza dos católicos e evangélicos. Cânticos de “vai trabalhar” e “vai estudar” também surgiam de ambos os dois lados.

Diego Ferreira, 29, era uma das pessoas presentes ao ato contra a mostra. “Viemos por causa de nossa indignação de exporem coisas assim para crianças. São aberrações até para adultos. Não deveriam mostrar coisas assim para as crianças”, disse Ferreira, que confessou não ter entrado na galeria.

Já Ítalo Tadeu, 25, engrossava o coro de quem defendia a permanência de “Faça Você Mesmo...” e a liberdade de expressão. “Quem é contra (a exposição) é o pessoal que prega ditadura religiosa. A galeria é fechada, vem quem quer buscar a arte. Se a gente for parar para pensar, quantos casos de pedofilia existem em igrejas? E ninguém foi às portas das igrejas mandar eles pararem de rezar”, disse.

Em meio a essas trocas de ofensas, com ambos os lados entrando nas aglomerações um do outro, alguns mais exaltados chegaram a se estranhar. Não houve, porém, agressões físicas. A Polícia Militar estava presente no local e os agentes não patrulharam a linha divisória entre os grupos, o que contribuiu com o clima tenso do local.

Diante da comoção quase diária em frente ao Palácio das Artes, a gerente de artes visuais da Fundação Clóvis Salgado, Uiara Azevedo, disse não saber “pontuar isso como positivo”. “Era uma exposição muito visitada já, e teve um aumento no número de pessoas com a repercussão. As pessoas podem criticar, mas há o acesso ao trabalho e, a partir daí, cada um tira suas próprias conclusões”, disse.

Crítica a Kalil. Entre aqueles que protestavam contra a exposição, houve quem mostrou indignação com a postura do prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS). “Recebi (a declaração de Kalil) com muita tristeza. Não votei nele, mas já tinha imaginado que isso (a exposição) aconteceria em Belo Horizonte. Assim como teve a parada LGBT, que dizem que foi um sucesso. Já esperava isso dele, mas somos cristãos e somos pais. Não vamos mais nos calar”, disse Rogéria Roberti, 42.

O prefeito foi ao local nessa segunda-feira e declarou considerar que “a obra é absolutamente normal”. “Não acredito que nenhum homem do século XXI fique chocado de verdade com o que viu aqui. Nem se fosse mais chocante do que é, porque não é, aqui é o lugar disso”, afirmou o político. Também foram ao local defender a exposição, o secretário municipal de Cultura, Juca Ferreira; o presidente da Fundação Clóvis Salgado, Augusto Nunes-Filho; e o secretário de Estado de Cultura, Angelo Oswaldo, entre outros.

Fonte: O Tempo

Relator pede arquivamento da segunda denúncia contra Temer

Relator pede arquivamento da segunda denúncia contra Temer

Com críticas à Justiça, o deputado Bonifácio Andrada (PSDB-MG) apresentou relatório em que pede arquivamento da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria da Presidência). 

Para o tucano, a saída por 180 dias do presidente, caso a denúncia seja aceita, 'representaria uma crise de altas proporções para o povo brasileiro e para o desenvolvimento das instituições". Ele disse ainda que a denúncia feita pela Procuradoria-Geral da República é "duvidosa". 

Temer e os ministros são acusados pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot de formarem 'quadrilhão' com a intenção de desviar verbas do setor público. 

"Há uma pretensão da Procuradoria em promover uma obra acusatória aos homens públicos do País", disse o tucano, que completou dizendo que há "amplo abuso sistemático que o MP vem fazendo sobre a concepção de organização criminosa". 

Obstrução

Bonifácio também recomendou rejeição da denúncia contra Temer por obstrução de Justiça. Isso porque, segundo o relator, a gravação da conversa entre Temer e o empresário Joesley Batista, da JBS, que baseia essa parte da peça, foi realizada de forma "criminosa", tanto que é alvo de CPI Mista do Congresso.

"Não há nenhuma prova real ou concreta que o presidente tenha tomado providência ou atitude para dificultar investigações", declarou. "Conclui-se pela impossibilidade da denúncia contra o presidente Michel Temer", afirmou. 

O deputado citou o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes, que se posicionou anteriormente ao afirmar que o presidente da República deve responder ações depois de o mandato terminar. 

Sobre os ministros Eliseu Padilha e Moreira Franco, o tucano afirmou que 'não há justa causa para o prosseguimento das acusações criminosas".  

Processos

A primeira denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República contra Temer foi rejeitada pelo plenário da Câmara dos Deputados por 263 votos a 223, em agosto deste ano. O presidente era acusado de corrupção passiva. 

Agora, a segunda denúncia deve ser analisada pelo plenário até o final de outubro, segundo o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). 

Na primeira denúncia, Temer recebeu diversos deputados e liberou emendas parlamentares. Mais uma vez, o presidente recebe 'romaria' de parlamentares - poucos dias antes da votação em plenário da segunda denúncia. 

*Com Agência Estado

Marcos Rocha e Luan são dúvidas do Atlético para pegar o São Paulo

Marcos Rocha e Luan são dúvidas do Atlético para pegar o São Paulo

Ainda não se sabe se será desta vez que o técnico Oswaldo de Oliveira poderá contar com os retornos de Marcos Rocha e Luan para a partida contra o São Paulo, na próxima quarta-feira, pelo Brasileirão. Apesar de não ter lesão, a dupla ainda reclama de desconforto e é dúvida para voltar ao time.

O camisa 2 treinou com bola na última quinta-feira, na Cidade do Galo, e está no processo de transição do departamento médico para a preparação física. No entanto, ele ainda está se queixando de dores no joelho direito e é preciso esperar os próximos dias para ver a evolução do quadro de dor. Já Luan, que vinha sendo preparado para encarar o tricolor, tem reclamado de dores musculares e sua participação também é incerta.

Quem não deve ter problemas para entrar em campo é o lateral-direito Alex Silva. Ele caiu de mau jeito no jogo contra o Londrina e chegou em Belo Horizonte com o braço direito imobilizado. Mas o jogador fez exames, não foi constatada nenhuma lesão e ele já retirou a tipoia, o que deve deixá-lo à disposição para quarta-feira.

O zagueiro Leonardo Silva está vetado, pois ainda se recupera de uma lesão no músculo posterior da coxa esquerda. Também estão no DM o goleiro Giovanni, o lateral-direito Carlos César e os volantes Gustavo Blanco e Lucas Cândido.


Fonte: O Tempo

Cruzeiro reage, vira sobre a Ponte Preta e assume a quarta posição

Cruzeiro reage, vira sobre a Ponte Preta e assume a quarta posição

É impressionante como o ambiente em um clube de futebol muda drasticamente de uma hora para a outra. No caso do Cruzeiro, de uma semana para a outra. Se em 27 de setembro, o time celeste levantava sua quinta taça de campeão da Copa do Brasil e angariava uma vaga para a próxima Libertadores, os últimos dias instauraram uma crise política na Raposa, mas que, ao que parece, não influenciou os jogadores dentro de campo – embora o futuro de muitos deles ainda seja incerto.

Neste sábado, a vitória sobre a Ponte Preta, de virada, por 2 a 1, no Mineirão, em duelo antecipado e válido pela 28ª rodada do Brasileirão, demonstrou que a equipe, mesmo não tendo feito uma apresentação de gala, brigará forte até o fim da competição. Enquanto isso, nos bastidores da agremiação, muita coisa ainda está para acontecer.

Assim que a delegação celeste chegou ao estádio, o meia Thiago Neves deu uma declaração emblemática. “Estava tudo maravilhoso no Cruzeiro. E querem destruir isso. Espero que quem venha, chegue para somar”, disse o armador, sem deixar claro quem ou o que estaria “destruindo” o momento do clube, apesar de dar as boas vindas àqueles que farão parte da nova diretoria, a ser comandada por Wagner Pires de Sá a partir de 2018.

Segundo informou a assessoria de imprensa da agremiação, o presidente Gilvan de Pinho Tavares esteve presente no vestiário dos atletas antes do confronto para levar seu apoio, assim como o gerente de futebol Tinga, que permanecerá no clube apenas até o fim do ano.

Quem também deverá deixar o Cruzeiro nos próximos dias são o diretor de futebol Klauss Câmara e o supervisor de futebol Pedro Moreira – o superintende de futebol da base, Antônio Assunção é outro que está de saída.

Klauss está na Inglaterra em um congresso para dirigentes de clubes de futebol e deve retornar ao Brasil a tempo de acompanhar a partida entre Raposa e Grêmio, em Porto Alegre, na próxima quarta-feira. Não há confirmação oficial ainda de que ele seguirá Bruno Vicintin, ex-vice-presidente de futebol, e Tinga na debandada.

Vicintin, por sinal, segundo informações de bastidores, acompanhou ao jogo deste sábado em um dos camarotes. Para seu lugar, Wagner Pires conta com Itair Machado, ex-presidente do Ipatinga. Nesta semana, mais mudanças devem ser anunciadas.

O jogo. Dentro de campo, o nervosismo tomou conta dos atletas do Cruzeiro no primeiro tempo. Em um lance atípico da parte de Diogo Barbosa, o lateral recuou mal para Rafael. Lucca chegou antes na bola e foi derrubado pelo goleiro. Danilo Barcelos converteu o pênalti, no ângulo esquerdo, aos 12 min.

No segundo tempo, o Cruzeiro tentou de todas as formas o empate. E conseguiu, após muito custo e na base da vontade, aos 28 min, com Thiago Neves. Dois minutos depois, veio a virada. Neves cobrou escanteio na cabeça de Manoel: 2 a 1.


Fonte: O Tempo

Vinte quatro pessoas continuam internadas após massacre em Janaúba

Vinte quatro pessoas continuam internadas após massacre em Janaúba

Vinte e quatro pessoas continuam internadas, neste domingo (8), por causa da tragédia em Janaúba, no Norte de Minas, na última quinta-feira, onde o vigia Damião Soares Santos, 50 anos, jogou gasolina no próprio corpo e nas crianças e ateou fogo na creche Gente Inocente. Dez pessoas morreram em consequência do incêndio, sendo oito crianças, uma professora e o próprio vigia.

Das 24 vítimas internadas, três estão em estado gravíssimo: um menino de 5 anos, uma menina de 4 anos e uma jovem de 23 anos. Outras 12 pessoas estão em estado grave.

No Hospital de Pronto Socorro João XXIII, em Belo Horizonte, há nove pessoas internadas, sete crianças e dois adultos, duas crianças estão respirando sem ajuda de aparelhos, as demais pessoas estão em estado grave.

No Hospital João Paulo II, também na capital mineira, há duas crianças em estado de atenção.

Já no Odilon Behrens, ainda em BH, há três pessoas internadas também em estado grave, porém estáveis e sem risco de morte. 

No Hospital da Santa Casa de Montes Claros, nove pessoas estão internadas, sendo que duas delas em estado grave, respirando com a ajuda de aparelho e as outras sete estão estáveis. No Hospital Universitário da cidade, há outras duas pessoas internadas. 

Veja a situação dos feridos:

 - Maísa Gabriely de Jesus Santos, 3 anos 35% de queimadura no corpo/ Santa Casa / Paciente estável.

- Flavia Nayara Dias, 4 anos, queimadura nos membros inferiores, 80% corpo queimado;

-  Patrick Samuel Lourenço de Souza, 3 anos, 30% do corpo queimado/ Hospital Universitário/ Será transferido para o Hospital João XXIII até as 12h de hoje / Paciente estável

- Marcus Vinicius Santos, 3 anos com 20% do corpo queimado;

- Thiago Felipe Medeiros Santos, 4 anos com 30% do corpo queimado/ Santa Casa / Paciente estável.

- Gabriel Carvalho de Oliveira, 5 anos, 80% do corpo queimado;

- Nicole Mariah, 6 anos, 20% do corpo queimado e queimou a mão toda/ Santa Casa / Paciente estável.

- Maísa Barbosa dos Santos, 5 anos queimadura via aérea

- Ruan Emanuel Dias Barbosa, 5 anos com 30% do corpo queimado/ Santa Casa / Paciente estável.

- Yasmin Estéfany Nunes Santos, 6 anos, queimadura das vias aéreas

- Ycaro Rafael da Silva Soares, 4 anos; queimadura de vias aéreas/ Santa Casa / Paciente grave, respirando com ajuda de aparelhos.

- Raissa da Silva Caetano de Jesus, 5 anos, 45% do corpo queimado e vias aéreas

- Luana Almeida Nogueira, 5 anos, queimadura das vias aéreas;

- Julie Mariah, 3 anos, inalou gases, foi entubada/ Hospital Universitário / Permanece internada na UTI Neonatal em estado grave, mas estabilizado e respira com ajuda de aparelhos

- Nicolas Eduardo Freitas Borges, 4 anos queimadura de vias aéreas, a caminho de BH.

- Geni Oliveira Lopes Martins, 63 anos, está com 60% do corpo queimado ( a caminho de BH)

- Maria Vilma Pinheiro, 51 anos, chegou no Hospital regional com 40% S.C.Q/ Santa Casa

- Marley Simone, 42 anos, professora está com 40% do corpo queimado (a caminho de BH)

- Jéssica Morgana Silva santos, 23 anos, 80% do corpo queimado/ Santa Casa / Paciente grave, respirando com ajuda de aparelhos

- Matheus Felipe Rocha Santos, 5 anos, estabilizado grave.

- Lucas Gabriel Martins Silva, 4 anos, queimadura nas costas, inalação de gases/ Santa Casa

- Daniel Jesus, 4 anos, inalou gases, foi entubado 

- Artur Souza Oliveira, 2 anos, sem queimaduras, vai entubar

- Sara Emanuele , 5 anos, inalou gás foi entubada


Fonte: O Tempo

Mais um! Tinga anuncia saída de cargo executivo no Cruzeiro

Mais um! Tinga anuncia saída de cargo executivo no Cruzeiro

Em pronunciamento na manhã desta sexta-feira, o ex-jogador Tinga anunciou sua saída do cargo de gerente de futebol do Cruzeiro. De acordo com o ex-volante, bicampeão brasileiro com o time celeste e que teve papel fundamental no rendimento do elenco atual, sua decisão se dá por princípios, e não pela saída consolidada de Bruno Vicintin e das demais pessoas que o trouxeram para um cargo executivo no clube.

"Me desligo, mas não contra pessoas que estão entrando, porque não conheço e não posso falar bem nem mal. Entendo as mudanças que acontecem. Só tenho a agradecer ao Cruzeiro, um clube que tenho uma gratidão gigante. Não estou deixando o Cruzeiro, estou acompanhando meus princípios. Quando cheguei, sem muita experiência em algumas áreas, as pessoas que mais me ajudaram foram o Guilherme Mendes (diretor de comunicação), o Pedro (Moreira, supervisor de futebol), o Klauss (Câmara, diretor de futebol) e o Bruno (Vicintin, vice-presidente de futebol). A minha decisão não está atrelada à decisão de ninguém. Não saio porque o Bruno saiu. Saio para acompanhar os princípios que tive durante toda a vida. Não é nada contra quem está entrando, só estou acompanhando o meu princípio de jamais deixar para trás as pessoas que me ajudaram", afirmou Tinga. 

Tinga não respondeu perguntas da imprensa e se despediu do Cruzeiro valorizado. Ele teria, inclusive, uma proposta para assumir um cargo na diretoria no Internacional, clube pelo qual também fez história. 


Fonte: O Tempo

Mais um! Tinga anuncia saída de cargo executivo no Cruzeiro

Mais um! Tinga anuncia saída de cargo executivo no Cruzeiro

Em pronunciamento na manhã desta sexta-feira, o ex-jogador Tinga anunciou sua saída do cargo de gerente de futebol do Cruzeiro. De acordo com o ex-volante, bicampeão brasileiro com o time celeste e que teve papel fundamental no rendimento do elenco atual, sua decisão se dá por princípios, e não pela saída consolidada de Bruno Vicintin e das demais pessoas que o trouxeram para um cargo executivo no clube.

"Me desligo, mas não contra pessoas que estão entrando, porque não conheço e não posso falar bem nem mal. Entendo as mudanças que acontecem. Só tenho a agradecer ao Cruzeiro, um clube que tenho uma gratidão gigante. Não estou deixando o Cruzeiro, estou acompanhando meus princípios. Quando cheguei, sem muita experiência em algumas áreas, as pessoas que mais me ajudaram foram o Guilherme Mendes (diretor de comunicação), o Pedro (Moreira, supervisor de futebol), o Klauss (Câmara, diretor de futebol) e o Bruno (Vicintin, vice-presidente de futebol). A minha decisão não está atrelada à decisão de ninguém. Não saio porque o Bruno saiu. Saio para acompanhar os princípios que tive durante toda a vida. Não é nada contra quem está entrando, só estou acompanhando o meu princípio de jamais deixar para trás as pessoas que me ajudaram", afirmou Tinga. 

Tinga não respondeu perguntas da imprensa e se despediu do Cruzeiro valorizado. Ele teria, inclusive, uma proposta para assumir um cargo na diretoria no Internacional, clube pelo qual também fez história. 


Fonte: O Tempo

Victor afirma que revés na Primeira Liga não influencia no Brasileirão

Victor afirma que revés na Primeira Liga não influencia no Brasileirão

A situação do Atlético na temporada 2017 não está nada fácil. Dos objetivos traçados no começo do ano, apenas o Campeonato Mineiro foi alcançado. Após as eliminações na Copa Libertadores, na Copa do Brasil e a campanha ruim no Brasileirão, o Galo passou a priorizar a Primeira Liga e, novamente, viu a meta ficar pelo caminho. A conquista desse último torneio era apontada pelos jogadores como uma oportunidade de retomar a confiança perdida pelo grupo ao longo do ano.

Mesmo ficando com o vice, o goleiro Victor afirma que o revés não vai influenciar e nem atrapalhar a sequência do alvinegro na Série A.

“Não deve e não pode trazer prejuízo no Campeonato Brasileiro. Temos que nos remobilizar. Claro que queríamos ganhar a Primeira Liga, mas nos pênaltis qualquer coisa é possível. De forma alguma, a perda do título para o Londrina vai atrapalhar a nossa caminhada no Brasileiro”, enfatiza o goleiro.

O último objetivo que o Galo tem na temporada e que é considerado como obrigação pelo presidente e por alguns jogadores, é alcançar o G-6 e colocar o Atlético em sua sexta Libertadores consecutiva.

Fonte: O Tempo

Vigia é enterrado sem familiares, enquanto multidão vela professora

Vigia é enterrado sem familiares, enquanto multidão vela professora

Ao mesmo tempo em que uma multidão acompanhava o velório da professora Heley de Abreu Silva Batista, de 43 anos, em Janaúba, no Norte de Minas, o corpo de Damião Soares dos Santos, o homem de 50 anos que jogou gasolina no próprio corpo e em diversas crianças que estavam da creche Gente Inocente, foi enterrado sem preces e sem familiares, na tarde desta sexta-feira (6), na presença de apenas cinco pessoas.

No cemitério São Lucas, os poucos presentes contaram  que os parentes ficaram com medo de retaliações e preferiram não comparecer ao cemitério. Com a ajuda de um desconhecido, o funcionário da funerária carregou o caixão.

Dois moradores que conheciam Damião lamentaram a situação. “Esse moço morou perto da casa da minha mãe por um ano. Ele morava sozinho, mas era um homem alegre. Não tinha dia de mau-humor”, contou o foguista Milton Rodrigues dos Santos, de 50 anos.

Para a aposentada Maria Martins, de 67 anos, ao menos alguém da prefeitura poderia ter acompanhado a cerimônia. “Ninguém sabe o que aconteceu com ele, e se ele estava doente. Todo mundo merece uma prece”, disse.

Despedida de heroína

Enquanto isso, milhares de pessoas se comoviam e oravam durante o velório da professora Heley, que deu sua vida para salvar várias das crianças que estudavam na creche. Com o próprio corpo em chamas, a professora tentava abafar o fogo ao mesmo tempo em que tirava os alunos pela janela – o vigia havia fechado a porta. A morte de Heley foi confirmada na noite dessa quinta-feira (5).

"Abençoa senhor as famílias amém", cantarolavam mais de 500 pessoas na despedida emocionante do corpo de Heley. O padre que celebrava a missa fúnebre sob um sol fervendo característico do Norte de Minas pediu especialmente que todos abençoassem com as mãos estendidas a família de Heley para que o bebê dela, de 1 ano, pudesse crescer bem sem a mãe. 

A benção foi estendida a todos "para que possamos viver com segurança e proteção", rezou o padre antes que o caixão fechado fosse levado para o caminhão do Corpo de Bombeiros em cortejo a caminho do cemitério. O marido da professora, amparado por uma tia, seguiu junto ao caixão. A mãe dela já não estava mais no velório que durou sete horas - durante a manhã, ela já dava sinais de que não aguentaria ir até o fim.

"Segura na mão de Deus e vai", dizia o canto final prosseguido por um minuto de fortes palmas que desejavam a Heley uma partida em paz depois de tanto sofrimento e luta.

Professora há quase 20 anos, ela era apaixonada por crianças e muito querida na cidade. A mãe da professora, dona Valda, disse que sua casa ficou lotada de visitas na tarde dessa quinta, quando a morte ainda não estava confirmada. A perda que dona Valda teve nesse dia 5 de outubro remete à que Heley teve há 12 anos. A professora perdeu um filho recém-nascido após ele morrer afogado em uma piscina.


Duas novas vítimas

Nesta sexta-feira, o Hospital da Santa Casa de Montes Claros confirmou o óbito de mais duas vítimas da tragédia em Janaúba. De acordo com o Corpo de Bombeiros e com a assessoria de imprensa do hospital, Cecília Davine Gonçalves Dias, de 4 anos, e Yasmim Medeiros Salvino, também de 4 anos, estavam em estado grave e acabaram não resistindo aos ferimentos.


Fonte: O Tempo

PROGRAMAÇÃO


Clique para visualizar


MAIS LIDAS

Notícias mais lidas deste mês

Gerais

Esporte

  01 DE OUTUBRO 01 DE OUTUBRO  

Novo drama: Dedé passará por mais uma cirurgia

Dedé vem sofrendo com problemas nos dois joelhos desde 2014

  03 DE OUTUBRO 01 DE OUTUBRO  

Com Robinho confirmado, Atlético ajusta jogadas de contra-ataque

Camisa 7 do Galo vem se dedicando nos treinos e está pronto para voltar ao time

  03 DE OUTUBRO 01 DE OUTUBRO  

Ipatinga vence em Divinópolis e se aproxima do acesso

Com o resultado o Tigre chegou à 28 pontos e se aproxima do acesso ao Módulo II de 2018

LOCUTORES

RECADOS

Últimos recados dos ouvintes

Envie mensagem para locutor

NOSSAS REDES SOCIAIS

SEGURE E ARASTE PARA OBTER INFORMAÇÕES

SOBRE

Vanguarda AM 1170 - Primeiro lugar no ibope

A Vanguarda,  é considerada através de pesquisa feita pelo Ibope, a emissora de maior audiência no Vale do Aço e está entre as principais do estado de Minas Gerais. Operando na freqüência AM 1170, no seu site www.vanguardaam.com.br e nos aplicativos disponíveis para as plataformas IOS e Android, conta com uma programação voltada para esportes, sempre presente na cobertura de grandes eventos,  jornalismo, prestação de serviços e entretenimento.
O início das operações da emissora foi no dia 1º. de dezembro de 1981, quando houve o lançamento da programação e a comercialização. Entretanto foi reservada a data de 28 de abril do ano seguinte para sua inauguração, por coincidir com o aniversário de Ipatinga. Intenção que perdeu o seu sentido quando comprovaram que o aniversário da cidade é, oficialmente, 29 de abril. 
O nome Rádio Vanguarda: Dar o nome de Rádio Ipatinga à emissora seria o ideal, mas pareceu excludente para os demais municípios da região. Foi então submetido entre uma equipe o nome Vanguarda, aprovado por unanimidade. Inicialmente a emissora funcionava ao lado do prédio onde hoje está instalada, ou seja em uma casa na Rua Itajubá 80. 

O Caráter Experimental: Em real experiência a emissora funcionou de 25 de outubro a 30 de novembro de 1981. Em 1º. de dezembro passou a operar em definitivo. A principio, a maior dificuldade encontrada foi o material humano, já que não havia, logicamente profissionais na cidade. Apesar desta realidade foi montada uma boa equipe. Hoje o quadro de locutores, apresentadores e redatores é basicamente de Ipatinga e região.Foi aberto espaço para vocações que não tinham como se revelar. Quantos aos equipamentos, a indústria eletrônica atendia bem ao mercado. Quanto ao mercado publicitário, a resposta foi surpreendente. O faturamento dos primeiros meses superou as previsões. 

A reação: Surpreendentemente foi como dar água a quem tem sede. A cidade que já havia atingido 150.000 habitantes, estava sedenta de comunicação e de integração através da noticia. A programação, a principio era musical, só com o tempo foram introduzidos, o jornalismo e o esporte. Uma das vantagens do rádio é que ele chega onde outros meios de comunicação não chegam. Daí a importância de seu jornalismo. 

O que representa o rádio? O Rádio é o mais poderoso veiculo de comunicação. Fala a todas as classes sociais. Aos analfabetos e aos letrados. Ao porteiro do prédio e ao morador de sua cobertura. A Escritora Rachel de Queiroz, que é nordestina, diz que no sertão do nordeste pode até faltar comida na panela, mas nunca pilha para o rádio.
Quando o rádio se instalou no Brasil as dificuldades eram muitas. Os radialistas amadores.Os anunciantes custaram a entender a importância do rádio. Equipamento e peças vinham, dos Estados Unidos. O Rádio se firma cada vez mais, como o maior veiculo de comunicação de todos os tempos. Ele está em todos os lugares. 


Nossa localização